Por que investimos errado?


Muitas vezes procuramos por investimentos milagrosos que podem mudar a realidade do nosso negócio da noite para o dia. O que não nos damos conta é que qualquer investimento que seja, tem seu próprio prazo médio de retorno. Investimento no digital, em mídias tradicionais, ou em qualquer área, não importa se é no marketing ou outro setor.

Então porque nos deparamos tanto com insucessos?

Existe uma série de fatores que poderíamos citar aqui e ainda assim não chegaríamos a um consenso. E isso se deve ao fato que não existe um único motivo para que determinada tentativa venha a falhar, ou pelo menos dar essa impressão. Mas pode sim ser um conjunto de motivos. Nesse texto você não irá encontrar fórmulas para solucionar esse dilema, mas uma reflexão um pouco diferente.

Já parou para pensar que sempre nos baseamos em exemplos de sucesso, tidos como referências em seus respectivos segmentos de atuação e até mesmo os famosos “gurus”? O que não nos damos conta, é que antes de atingirem esse “posto” (se é que podemos colocar dessa forma), eles também tiveram uma história, e provavelmente compostas por inúmeros erros e tentativas fracassadas como qualquer pessoa. Então você me pergunta: Mas qual a diferença então? Por que eles conseguiram e eu não consigo?

Sejamos honestos, se eu tivesse essa resposta, seria o profissional mais solicitado do mundo, e não daria ela a você ou a qualquer pessoa. Mas o que devemos fazer é perceber e analisar o que cada uma dessas nossas referências tem em comum. Sem nem saber quais são as suas, aponto para você o principal ponto que todos têm em comum, a persistência.

O que precisamos entender é que nos negócios, tudo leva tempo. Dificilmente temos algo de forma imediata. É o mesmo que acontece com nossos investimentos. A teimosia, no melhor dos sentidos, é a grande chave para se atingir seus objetivos. Você pode, em todo o mundo, contar nos dedos os que tentaram e deram certo de primeira. A imensa maioria tentou muito antes de fazer algo em suas vidas que realmente desse certo e os elevasse ao patamar que ocupam hoje. Mais do que paciência, tenha persistência.

Nos primeiros sinais de dificuldade as pessoas tendem a desistir e a querer reduzir seus investimentos. Isso nada mais é do que “cavar a própria cova”. Lá na frente, quando a dificuldade passar, aquele que não parou de acreditar em seu negócio e de investir nele, com toda certeza estará na frente. E de uma coisa eu tenho absoluta certeza, A crise limpa o mercado, e só os melhores sobrevivem realmente a ela.

#estratégia #marketing #publicidade #cliente

5 visualizações