Buscar
  • Julio Campos

O seu negócio na internet


Uma pesquisa realizada esse ano pela agência Conversion, com colaboração da AKN Consultoria Estatística, revelou dados bem interessantes sobre o comportamento do consumidor digital. A pesquisa foi realizada via internet, com 697 usuários. Vamos aos números:

. 93% dos brasileiros conectados já fizeram compras pela internet;

. 28% desses consumidores onlines, fazem em média, mais de uma compra na internet por mês;

. 78% dos compradores gostam de pesquisar no Google antes de comprar algum produto;

. 73% dos consumidores digitais, são pertencentes às classes econômicas C, D e E;

. Os consumidores digitais se dividem em: 52% mulheres e 48% homens;

. 74% dos consumidores já realizaram compras através de dispositivos móveis (celular ou tablete).

. Mídias sociais mais acessadas pelos compradores online:

. Facebook: 97%

. Instagram: 70%

. Twitter: 52%

. Linkedin: 48%

. Pinterest: 42%

. Snapchat: 36%

Esses números nos levam a diferentes reflexões sobre nossos negócios, desde sua estrutura até o seu posicionamento.

Muitas empresas hoje vão além de suas lojas físicas e investem pesado no e-commerce. Isso não é à toa, vide os números acima. Muitas pessoas ainda tem a desconfiança da compra online, já outras, nem entram em lojas físicas para realizarem compras.

Essa disseminação do e-commerce se deve muito também ao trabalho realizado pelas empresas em suas redes sociais. Hoje, a marca que não se comunica com seus consumidores está fadada ao fracasso. É de extrema importância manter o seu target cada vez mais próximo e dar voz à ele. Talvez seja esse o melhor termômetro de percepção do negócio que você pode ter.

Não há uma regra ou fórmula certa do que ou de como se vender na internet. Você pode vender bens de consumo, serviços, não importa, desde que saiba o que está fazendo e/ou seja bem assessorado nesse processo. Através de um gasto muitas vezes menor do que o de se manter uma loja física, você consegue investir em plataformas, redes sociais e aparecer para um número muito grande de pessoas. E o melhor, de acordo com seu perfil de interesse (o que tem a chance de ser muito mais certeiro para seu negócio).

Pesquise, analise concorrentes diretos e indiretos. Meça a presença dos mesmos no mercado digital, e veja a relevância de cada um. Tenho certeza de que tem uma fatia desse mercado para sua empresa, basta querer agarrá-la. Não continue perdendo tempo com desconfianças ultrapassadas, o mercado muda constantemente, ou você acompanha ou ele te engole. Então, que tal assumir o controle?


0 visualização